Vidabrasil circula em Salvador, Espírito Santo, Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo Edição Nº: 302
Data:
15/3/2002
Capa | Edições anteriores| Assine já | Fale com a redação
Página visitada: 1545188 vezes
» Índice
» Editorial
Pedágio Publicitário
» Paladar
Algumas dicas importantes para charuteiros
» Saúde
Estudo realizado em hospital público de Londres garante que música e artes plásticas curam doenças
» Autos
Cada vez mais independentes, mulheres já formam 11% do público consumidor de picapes no Brasil
» Boca Miuda
Casal 21
» Triangulo
Dentro de trinta dias, em todo o país, o poder começará a trocar de mãos
» Turismo
Conheça o interminável encanto das ilhas da Polinésia, terra favorecida pelos deuses
Turismo

Polinésia terra favorecida pela divindade  
 
Com o nome de Tetiaroa, é um atol a 26 km do norte do Taiti e é propriedade do ator Marlon Brando. Caminho descalço na areia. Como companheira tenho, somente, a lua e me pergunto se poderá haver cenário mais romântico no mundo? Taiti, Moorea, Bora Bora e todas as demais ilhas da Polinésia francesa. Por que razão fazem parte das nossas fantasias? O clima, talvez. A sua essência? Ou haverá graças “ao misto erótico que as envolve”, como aclamou um certo escritor? Certo é que o navegador francês Louis Antoine de Bougainville descreveu a sua viagem como tendo “desembarcado no Jardim do Éden”. Moorea, outra das obras divinais da Polinésia, depois de inúmeras estadas, é para mim, uma das mais bonitas ilhas do pacífico. Não fossem os compromissos profissionais da minha noiva e eu não estaria no meio deste paraíso, completamente só e a imaginar como se nós dois de mãos dadas, a subirmos as levadas envoltas em névoas de mistério. Aqui, quando a noite cai, o romance está no ar.  
Obra divinal – Em Moorea, encontrei velhos amigos. Embora tudo parecesse estático como se o tempo e mudanças por ali não passassem, é incrível como nos parece ser sempre a primeira vez que nos deleitamos com tanta beleza. Não significa isto que nos esquecemos, não! É uma recordação inesquecível. Já não nos lembrávamos, isso sim, de que é ainda mais bonito do que a nossa memória permite registrar. Passei por Cook’s Bay e não resisti em parar um pouco junto à marina natural. Passei depois por Opunohu Valley, uma área rural e luxuriante, que mais parece uma taça gigante de ananeses. Encontrei Briac, um empresário artístico que em tempos se envolveu na organização de um festival anual de arte em Moorea. Quando lá chegou, as palmeiras que filtravam o sol e as suas gentes fizeram-no sentir que ali era o seu lugar. Acabou por ficar, transformou um campo de cocos no Teatro Tiki Village e criou um espetáculo que ocorre todos os dias, com a ajuda de 70 bailarinos, escultores, artistas de tatuagens e artesãos que, deste modo, ilustram o tradicional dia-a-dia da Polinésia. Pecado é não dar cor aos nossos sonhos. Corporize a fantasia de conhecer um verdadeiro paraíso, que no fim das contas, só pode ser obra dos deuses  
 
Conselhos úteis  
 
O que fazer:  
Visitar Cook’s Bay é sempre um quadro inesquecível ao entardecer. Casar. Sim. Casar! Deixe a burocracia e a civilização de lado, e por que não casar segundo o ritual taitiano? A união não tem qualquer legalidade noutra parte do mundo. Seja impetuosamente romântico! Dustin Hoffman assim o fez. Porque não dar uma de estrela de Hollywood e ter umas férias com um final feliz?  
Gastronomia:  
Sé é um amante de fruta tropical, as ilhas da Polinésia francesa oferecem-lhe uma variedade irresistível. É, inclusive, a base de muitos pratos típicos desta região. O peixe e o marisco são uma tentação. Os espetos de gambás grelhados, por exemplo, são de comer e pedir mais.


Polinésia terra favorecida pela divindade
Um dos bungalows do hotel Moorea, recriando a fantasia de um cotidiano em tempos vividos
Uma dança sensual que destila sex appeal
Um perfeito postal de Haapiti, na ilha de Moorea
O pico de Cook’s Bay, em Moorea
A arte pareu
Lanternas festivas iluminam um casal durante um jantar; um ambiente bem romântico
Tetiaroa, um atol adquirido por Marlon Brando

Copyright © 2001, Vida Brasil. - Todos os direitos reservados.